sábado, 29 de abril de 2017

Diário de uma Vagina pelos olhos da diretora de movimento Christiane Veigga

Trabalhar com Indaiá foi altamente gratificante e estimulante. Sua sensibilidade, criatividade e entrega total fazem o que ela é: uma excelente atriz.

O Texto nos ajudou bastante, dando espaço para a criação. O tema me tocou pessoal e profissionalmente. A direção foi fornecendo os limites e possibilidades, resolvi arriscar mergulhando no largo complexo da história do universo feminino.


O que é ser mulher? O que nos faz diferentes dos homens? O que nos diferencia e nos assemelha nas diversas culturas? Como nos movemos étnica e arquetipicamente falando? Investigar os arquétipos do feminino e quais movimentos e danças étnicas poderiam ser explorados nessa peça? As várias faces de Eva... de Lilith, da Loba, de mim, de vocês... 

Despertar cada uma dessas “mulheres” em Indaiá foi orgasmático. Perceber o seu corpo conversando com as diversas mulheres, apropriando-se das coreografias, que sinceramente não sei mais como identificar quem criou o quê, assistindo sua inteligência emocional acessar o inconsciente coletivo do ser feminino, não tem preço, no mais temos o “Diário de uma Vagina”.

XXXXXXXXXXXXXX

"DIÁRIO DE UMA VAGINA"

Teatro Gamboa Nova
Maio 2017 - sextas e sábados (5, 6, 12, 13, 19, 20, 26 e 27) às 20h.
Inteira (20,00), meia (10,00).

Convide os amigos e vá morrer de rir.

Com Indaiá Oliveira
Texto e Direção - Lucas Bertolucci
Direção - Grasca Souto
Direção de Movimento - Christiane Veigga
Figurino e Maquiagem - Rino Carvalho
Iluminação - Telma Gualberto

#diariodeumavagina #ciaquintetode4 #comedia #comediabaiana #teatrobaiano#monologo #ator #teatrogamboanova #teatro

sexta-feira, 28 de abril de 2017

Diário de uma Vagina pelos olhos da diretora Grasca Souto


Depois de um tempo (que pareceu infinito) sem o fazer teatral, seja como atriz ou diretora, o convite para dirigir o Diário chegou como uma lufada de vento fresco.


Ao receber o texto e lê-lo tive a nítida impressão de que a personagem falava de mim. Vi-me em quase todas as histórias. Aceitei. Ao escolhermos a atriz, tive certeza que todo processo seria muito prazeroso, como realmente foi. Afinal, um bom texto, uma boa atriz é tudo que a direção precisa para fazer um DIÁRIO DE UMA VAGINA.

XXXXXXXXXXXXXX

"DIÁRIO DE UMA VAGINA"

Teatro Gamboa Nova
Maio 2017 - sextas e sábados (5, 6, 12, 13, 19, 20, 26 e 27) às 20h.
Inteira (20,00), meia (10,00).

Convide os amigos e vá morrer de rir.

Com Indaiá Oliveira
Texto e Direção - Lucas Bertolucci
Direção - Grasca Souto
Direção de Movimento - Christiane Veigga
Figurino e Maquiagem - Rino Carvalho
Iluminação - Telma Gualberto

#diariodeumavagina #ciaquintetode4 #comedia #comediabaiana #teatrobaiano#monologo #ator #teatrogamboanova #teatro

quinta-feira, 27 de abril de 2017

Diário de uma Vagina pelos olhos do autor e diretor Lucas Bertolucci

Diário de uma Vagina surgiu de relatos de amigas e conhecidas que, como desabafo, contaram para mim suas experiências de vida e suas aventuras sexuais. 

Com o texto criado, convidei mulheres incríveis para dar vida à peça e o resultado desse processo de criação e ensaio foi um aprendizado único do mundo feminino, sem falar que foi prazeroso e, com certeza, isso vai ficar bem explicitado na peça.


O público vai sentir isso e vai se ver em muitos momentos, rindo da personagem Gina que é a personificação de mulheres reais.




XXXXXXXXXXXXXX
"DIÁRIO DE UMA VAGINA"
Teatro Gamboa Nova
Maio 2017 - sextas e sábados (5, 6, 12, 13, 19, 20, 26 e 27) as 20h.
Inteira (20,00), meia (10,00).
Convide os amigos e vá morrer de rir.
Com Indaiá Oliveira
Texto e Direção - Lucas Bertolucci
Direção - Grasca Souto
Direção de Movimento - Christiane Veigga
Figurino e Maquiagem - Rino Carvalho

Iluminação - Telma Gualberto
#diariodeumavagina #ciaquintetode4 #comedia #comediabaiana #teatrobaiano#monologo #ator #teatrogamboanova #teatro

quarta-feira, 26 de abril de 2017

Diário de uma Vagina pelos olhos da atriz Indaiá Oliveira

A construção de uma personagem requer um olhar apurado na verdade da vida. E quando me convidaram para falar do universo feminino, mergulhei no infinito da responsabilidade e retratar cada partícula deste vasto mundo impregnado de sentimento.
Tive medo. Me deixei ir, me encontrei, aprendi.
A personagem Gina, reflete o desejo, força, a coragem de “ser” com simplicidade e humor. Estou feliz por esse trabalho, pelo reflexivo e bem-humorado Diário de uma Vagina.

Só tenho a agradecer. Obrigada.


XXXXXXXXXXXXXX

"DIÁRIO DE UMA VAGINA"
Teatro Gamboa Nova
Maio 2017 - sextas e sábados (5, 6, 12, 13, 19, 20, 26 e 27) as 20h.
Inteira (20,00), meia (10,00).
Convide os amigos e vá morrer de rir.
Com Indaiá Oliveira
Texto e Direção - Lucas Bertolucci
Direção - Grasca Souto
Direção de Movimento - Christiane Veigga
Figurino e Maquiagem - Rino Carvalho

segunda-feira, 10 de abril de 2017

Nova Temporada - "DIÁRIO DE UMA VAGINA"


Depois do grande sucesso, volta a cartaz, em Salvador, a comédia "DIÁRIO DE UMA VAGINA"


Teatro Gamboa Nova



Maio 2017 - sextas e sábados (5, 6, 12, 13, 19, 20, 26 e 27) as 20h. 


Inteira (20,00), meia (10,00).

Convide os amigos e vá morrer de rir.


Com Indaiá Oliveira 

Texto e Direção - Lucas Bertolucci 

Direção - Grasca Souto 

Direção de Movimento - Christiane Veigga

Figurino e Maquiagem - Rino Carvalho

Iluminação - Telma Gualberto





Curta fotos do espetáculo:

domingo, 29 de janeiro de 2017

Temporada Teatro Gamboa Nova

  • Curta Temporada no Teatro Gamboa Nova (18, 19, 25 e 26/01/17) foi um sucesso

Super feliz com a temporada de sucesso no Teatro Gamboa Nova da Peça DIÁRIO DE UMA VAGINA. 


Casa cheia e comentários deliciosos.

Sonho para qualquer artista ver casa cheia e bilheteria esgotada 1 hora antes do espetáculo. 

Fevereiro estaremos no Centro Cultural de Plataforma.

Quero agradecer a presença de todos que foram nos prestigiar.

ESPERO VOCÊ LÁ..

segunda-feira, 26 de dezembro de 2016

Gina Responde - Especial de Ano Novo

Gina é a personagem da peça "DIÁRIO DE UMA VAGINA" que agora tem seu próprio programa no youtube. O programa consiste em ela, de forma humorada e extravagante, responder a qualquer pergunta enviada a ela, relativa a sexo ou sexualidade.